Intérpretes da Voicelink participam de roadshow em IPO

Investors handshakeNo mês de abril de 2010, a intéprete Maria Eugênia Farré, da Voicelink Tradução Simultânea participou do roadshow de uma grande empresa brasileira na área de logística na sua oferta pública inicial de ações (IPO).

Foram nove dias de trabalho intenso visitando cinco cidades dos Estados Unidos: Nova York, Boston, Chicago, Los Angeles e San Francisco, com até 8 apresentações por dia. Wall Street

O roadshow é um circuito de apresentações para investidores estrangeiros, geralmente grandes fundos de pensão ou bancos de investimento. O trabalho se caracteriza por reuniões curtas com investidores convidados pelos bancos que participam da oferta e atuam como patrocinadores da reunião.  Os investidores recebem os integrantes do roadshow em escritórios localizados em endereços elegantes com vistas incríveis da cidade, como a que vocês vêem abaixo.

Após a apresentação dos aspectos operacionais e financeiros da empresa que está abrindo seu capital, geralmente há uma sessão de perguntas e respostas onde os investidores estrangeiros esclarecem detalhes sobre a empresa ou a operação, o que requer do intérprete grande familiaridade com o vocabulário financeiro.

Outras características importantes na seleção da equipe de intérpretes para um roadshow de IPO são discrição, flexibilidade, calma e boa forma física e mental para acompanhar o ritmo intenso do dia.

Devido à carga de trabalho diária, é indispensável trabalhar com dois intérpretes, preferencialmente com o equipamento de tradução simultânea portátil.

Apesar da tensão e do cansaço, a experiência foi muito positiva para todos os envolvidos, inclusive os intérpretes da Voicelink Tradução Simultânea.

 

 

 

Deixe seu comentário